Você está aqui: Página Inicial > Menu Principal > Projetos de Pesquisa Docentes > Fábio André Hahn

Fábio André Hahn

A WebQuest no Ensino de História

A proposta da pesquisa é investigar como e o que se aprende da História a partir do desenvolvimento e aplicação da metodologia WebQuest com alunos do 9º ano do Ensino Fundamental II da rede pública de ensino, verificando a viabilidade da tecnologia educacional na melhoria da qualidade da aprendizagem dos estudantes. Entre as causas e variáveis possíveis a serem investigadas, focaremos especificamente na problemática de que o ensino de História e consequentemente o material didático disponível nas escolas estão muito distantes da realidade dos alunos, não permitindo o desenvolvimento da sua capacidade formativa, o que gera o desinteresse, dificuldade de aprendizagem e a inexistência da compreensão do sentido da História e da formação de uma consciência histórica. Portanto, a variável a ser explorada é de dependência, ou seja, a formação do aluno depende, entre vários outros fatores, do emprego de uma nova metodologia de ensino de História e da produção do material didático adequado à sua realidade.

Financiador(es): Fundação Araucária - Auxílio financeiro.

 

Aprender História por meio da Web: estudo da metodologia WebQuest

A proposta da pesquisa é investigar como e o que se aprende da História a partir da metodologia WebQuest, verificando a viabilidade da tecnologia educacional na melhoria da qualidade da aprendizagem dos jovens estudantes. Motivada pela falta de interesse e da dificuldade da aprendizagem histórica, a pesquisa será realizada com alunos do 3º ano do Ensino Médio da rede pública de ensino de cinco cidades (Araruna, Barbosa Ferraz, Iretama, Roncador e Engenheiro Beltrão) da Mesorregião Centro Ocidental do Paraná, em que o agravante principal é a baixa média do IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) das escolas, que mais se aproxima da média 3,4 da região norte, que está entre as mais baixas do Brasil, do que da média da região sul com 4,1. O que revela, em um primeiro momento, uma mesorregião com fortes indicadores de pobreza e formação educacional deficitária, refletida nos baixos índices, tanto no IDEB quanto no IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). Entre as inúmeras causas e variáveis possíveis a serem investigadas, focaremos especificamente na problemática de que o ensino de História e consequentemente o material didático disponível nas escolas estão muito distantes da realidade dos alunos, não permitindo o desenvolvimento da sua capacidade formativa, o que gera o desinteresse, dificuldade de aprendizagem e a inexistência da compreensão do sentido da História e da formação de uma consciência histórica.

 
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.